Skip to content

Registros Vocais

Isso é uma bagunça! Se você já estudou com alguém ou pesquisou por aí, deve saber que cada um fala uma coisa e em pouquíssimas coisas parece haver um padrão. Mas eu vou confortar o seu coração dizendo o que eu descobri depois de estudar bastante sobre o assunto:

“É uma bagunça mesmo e cada um escolhe um nome diferente pra praticamente as mesmas coisas. Aceita e vira a página”

Apesar disso eu vou te ajudar a colocar um pouco de ordem nesse caos e entender alguns termos como voz de peito, cabeça, mix, máscara, registro tênue, denso, belting e bla bla bla.

A arte de cantar já é estudada há muito tempo, muito antes da medicina descobrir coisas importantes que nos ajudam hoje em dia. Por conta disso muito do que se aprendeu em diversos lugares do mundo e é ensinado até hoje foi baseado em sensações que as pessoas sentiam enquanto cantavam, daí vêm alguns dos nomes como voz de peito e cabeça.

Outra forma de pensar isso também é baseado no resultado sonoro de ajustes  como de prega vocal e filtro, daí você tira outros nomes como mix ou voz mista, o belting e outros nomes bonitos.

Com o aumento do conhecimento em fisiologia algumas pessoas também classificam os registros baseados no espessamento das pregas vocais, dando nomes como registro tênue e denso.

Além destes aspectos que eu mencionei e outros que poderiam ser mencionados existe outros fatores que são métodos didáticos que determinado professor famoso escolheu para organizar seu conhecimento e o nosso querido marketing que ensina que você não precisa você pode vender o mesmo produto mais caro se colocar em uma embalagem mais bonita e dizer que é uma grande novidade.

Existe uma outra forma de classificação chamada de mecanismos vocais, que se baseia no comportamento das pregas vocais e não tem muita poesia, não se baseia em sensações nem em tendências de mercado, os mecanismos vocais são divididos em M0, M1, M2, M3 mas isso é assunto pra outro vídeo, primeiro precisamos tentar organizar a bagunça nos Registros Vocais.

Eu não vou conseguir organizar isso, mas vou me esforçar ao máximo pra que se você ouvir alguém chamando voz de cabeça de falsete não tenha problemas em interpretar o que aquela pessoa quis dizer sem dar um nó nos seus miolos e começar a questionar o motivo da sua existência.

Pra fazer isso vou passar pelos nomes mais comuns dos registros vocais e ir comentando cada um deles de forma rápida e dando algumas variações de nomes. Você vai ver que algumas coisas tem mais de um nome, e alguns nomes são usados para mais de uma coisa.

Mais uma coisa antes de começar, eu disse que as pessoas dão nomes aos registros baseando-se em diversos pontos de vista com mencionei. Mas registros vocais tem a ver com prega vocal e ponto, assim como os mecanismos mas infelizmente não é ensinado assim. Mesmo assim vou partir dessa premissa nas minhas explicações.

Vamos passar por 5 Registros:
FRY, PEITO, CABEÇA, FALSETE, WHISTLE 

Continua no vídeo abaixo:
https://www.youtube.com/watch?v=S5oUpEsYyz8&t=67s