Vocalizes

Hoje falaremos sobre os Vocalizes. Tão amado pelos professores e tão odiado pelos alunos e alguns cantores que não entendem de fator qual é a real importância deles para a nossa técnica.

O que são Vocalizes.

Vocalizes, de forma bem simples, são exercícios vocais utilizados por praticamente todos aqueles que fazem aula de canto ou estudam por conta própria.

Em sua grande maioria são repetições de uma melodia simples, e a alteração tonal dessa melodia. Algumas vezes são feitas simplesmente cantando consoantes outras vezes são utilizando silabas como “mi, mi, mi” ou “lá, lá, lá”.

Existem alguns mais avançados que utilizam melodias e escalas mais complexas, mas em sua maioria todos servem para o mesmo fim, que é o que falaremos a seguir.

Para que servem os Vocalizes.

É aqui onde muita coisa é confundida e onde muitos músicos por não conhecerem a profundidade dos vocalizes acaba deixando de lado este importante exercício.

Muito mais do que simplesmente “afinar a voz” os vocalizes primeiramente treinam nosso ouvido, nossa mente e nossa musculatura. Eles além de criar a capacidade de detectar se você está na nota certa ou não, também geram aquilo que conhecemos como memória muscular.

Essa memória muscular é necessária para que quando você ouvir uma nota, seu cérebro seja rápido para preparar a musculatura do aparelho fonador e reproduzir a nota com exatidão. Você já deve ter visto cantores que vez ou outra emitem uma nota e precisam corrigir rapidamente, isso pode ser falta de estudo de vocalizes ou um simples erro pontual.

A partir do momento que você pega segurança em determinada sessão de vocalizes, você pode acelerar sua execução. Fazendo assim com que sua mente seja cada vez mais rápida para acertar as notas e que sua musculatura vocal também responda da melhor forma.

Tudo isso faz com que você tenha uma afinação perfeita e uma agilidade incrível ao passar as notas.

Por quanto tempo devo estudar vocalizes?

Minha resposta para todos é a mesma que dou para os exercícios de respiração, essa resposta é “Para Sempre”. O motivo de acreditar que eles devem ser estudados durante toda sua carreira é porque eles além de criar algo em você, vão ajuda-lo também a manter aquilo que você já conquistou.

São indispensáveis para que sua mente e sua musculatura estejam sempre em dia e que você não passe vergonha.

É claro que cantores em um nível mais avançado não vão estudar os vocalizes básicos, mas estudarão exercícios onde eles são implícitos. Posso citar como exemplo o momento em que estudamos escalar e treinamos melismas.

Se você perceber bem, por trás de tudo isso você está fazendo um vocalize, seja ele mais longo ou complexo, mas ainda é a mesma essência.

Onde posso encontrar ou baixar Vocalizes?

Para te ajudar separei alguns links com vocalizes tanto para homens como para mulheres, eles são básicos mas com alguma busca na internet você consegue achar muitos outros.

Clique no link abaixo e acesse e comece a treinar diariamente, clique no link para baixar e faça sempre um pouco por dia, com atenção e dedicação. Faça Download dos Vocalizes Gratuitamente:

Download Vocalizes 

Eles consistem basicamente em acompanhar com a voz a nota que está sendo executada no piano, procure alternar os fonemas prestando sempre atenção na respiração e na afinação.

Estudando isso posso me tornar um Cantor?

Infelizmente isso é só uma pequena parte de um mundo de informações e aulas necessários para que você se torne um cantor de qualidade.

Para que você continue aprendendo eu indico um material que mudou minha forma de cantar e entender a voz, o curso PILARES DO CANTO.

É um treinamento online ministrado por um dos mais conceituados preparadores vocais da atualidade e mestre em fonoaudiologia o professor Márcio Markkx.

Acesse e conheça o curso por inteiro, você precisa disso!

>> Quero conhecer o Pilares do Canto e dar o Próximo passo <<

Sua vez

Conte para mim sua experiência com esse tipo de exercício vocal, você ama ou odeia? Se sentiu com vontade de voltar a estudar? Gostou do artigo ou acha que posso melhorar algo?

Comente e compartilhe suas experiências com a gente!

Comente: